Vídeo: Denuncia generalizada de Dino sobre CACs abre precedente perigoso

O ministro da Justiça, Flávio Dino, abre um precedente perigoso ao generalizar, em sua fala hoje na CCJ, que quem arma as facções criminosas, como PCC e Comando Vermelho, são os CACs (colecionadores e atiradores esportivos). Se ele tem firmeza na denúncia, deveria mostrar provas, não apenas ficar na narrativa. O Brasil tem atualmente mais de 800 mil CACs, conforme dados do Exército.

 

 

 

Lembrando que no Brasil foi criada uma cultura de impunidade. Na imprensa o policial que combate o crime é o malvado, e o bandido a vítima da sociedade. A violência decorrente do tráfico de drogas é algo antigo. O ministro da Justiça não pode jogar numa atividade a responsabilidade pelo armamento da criminalidade.

Essa fala de Dino soa mais como uma cortina de fumaça para evitar que se debata o verdadeiro problema. Afinal, a primeira medida de qualquer governo que tente implantar algum tipo de ditadura, é desarmar a população.

Por Blog Ismael Sousa

Posts Recentes
Formulário

Quer receber noticias ?

Preencha com seu E-mail, WhatsApp e vamos te enviar novidades

Compartilhe nas redes sociais

Artigo relacionados