Golpe Interno

Nesta terça-feira, dia 12, logo após a desaprovação do ICMS, pleiteado pelo Governo do Estado, uma liderança política bem articulada nos bastidores, andando pelos corredores da Assembleia Legislativa percebeu os aliados da governadora Fátima Bezerra com discursos prontos, culpando o secretário da Fazenda do RN, Carlos Eduardo Xavier, o Cadu, pela derrota e ele ficou espantado e ao mesmo tempo preocupado, como aquelas pessoas procuravam queimar Cadu Xavier.

De acordo com essa liderança, todavia, ao conversar com alguns deputados estaduais contrários ao Governo do RN, acabou escutando e encontrando o verdadeiro articulador da derrota, e pasmem: não são os 14 deputados. Escutou, andou e percebeu que a maior culpada é a própria governadora Fátima Bezerra, mas, a Chefe do Executivo não está na Assembleia Legislativa, e sim o seu representante, entenda-se o líder do governo.

A liderança política com livre acesso a todas as alas, escutou de alguns deputados estaduais que o líder do governo o deputado estadual Francisco do PT, durante esses quase 4 anos como líder só pensou nele. Nas suas emendas, seus convênios, seus cargos, até parece que é um Governo totalmente voltado para ele ou somente para o PT (Partido dos Trabalhadores).

Bem informado, o líder político explicou que quem conhece política sabe que ninguém sai de 24 mil votos e passa de 50 mil votos se não tiver estrutura e essa estrutura foi retirada de alguém ou de alguns e citou a falta que faz o ex-deputado Vivaldo Costa, o Papa Jerimum. Segundo ele, talvez se os votos, os cargos e convênios tivessem sido divididos, neste momento, alguns deputados estariam satisfeitos com o governo, porém a gula para comer tudo sozinho está isolando o Governo Fátima, e isso pode custar muito caro num futuro próximo.

Por fim, a liderança declarou que ou o governo desperta e freia alguns coitadinhos que choram para mamar e cuida em fazer política com todos e aí não falou apenas de deputados, mas de modo geral, como por exemplo, os prefeitos também, haja vista que muitos que votaram em Fátima Bezerra no último pleito estão chateados com o comportamento recebido após a eleição. Apesar de ainda ter muito chão pela frente, essa liderança prevê que se o Governo não tomar as rédeas nos próximos 3 anos, talvez amarguem a derrota no Poder.

Posts Recentes
Formulário

Quer receber noticias ?

Preencha com seu E-mail, WhatsApp e vamos te enviar novidades

Compartilhe nas redes sociais

Artigo relacionados